Grupo C

|
All materials on our website are shared by users. If you have any questions about copyright issues, please report us to resolve them. We are always happy to assist you.
 3 views
of 14

Please download to get full document.

View again

Description
Missão Européia – ALEMANHA INMETRO - RBMLQ Visitas ao PTB/EURAMET (30 de Setembro de 2009). Grupo C J a ir José Dorigon, João Batista Jordan,Luiz Carlos Gomes dos Santos,Marco Antônio Lima Berberi e Miguel Ângelo Seixas. European Association of National Metrology Institutes – EURAMET
Share
Transcript
Missão Européia – ALEMANHA INMETRO - RBMLQ Visitas ao PTB/EURAMET(30 de Setembro de 2009) Grupo C J air José Dorigon, João Batista Jordan,Luiz Carlos Gomes dos Santos,Marco Antônio Lima Berberi e Miguel Ângelo Seixas European Association of National Metrology Institutes – EURAMETASSOCIAÇÃO EUROPÉIA DOS INSTITUTOS NACIONAIS DE METROLOGIAOrganização Regional de Metrologia (RMO) da EuropaPessoa de Contato: Wolfgang Schmid (SECRETÁRIO)wolfgang.schmid@euramet.orgORGANIZAÇÕES REGIONAIS DE METROLOGIAEURAMET - EUROPASIM - AMÉRICAAFRIMETS - AFRICACOOPMET - LESTE EUROPÊUAPMP - ASIARESPONSABILIDADES DE UMA RMO
  • Atuação de seus membros em atividades ligadas ao Acordo de Reconhecimento Mútuo do Comitê Internacional de Pesos e Medidas – CIPM;
  • projetos comuns de pesquisas;
  • apoio à capacitação;
  • compartilhamento de tecnologia e materiais.
  • EURAMET
  • CARACTERISTICAS DA INSTITUIÇÃO
  • Natureza: Organismo Oficial
  • Regido: Leis da Alemanha
  • Data da Criação: 11 de janeiro de 2007
  • Composição: 33 Associados
  • Colaboradores: 4.000 (sendo 1.750 do PTB)
  • ORÇAMENTO
  • 400 milhões de euros/ano (200 da EU e 200 de seus participantes e ajuda individual dos países que a compõe)
  • DISTRIBUIÇÃO
  • 344 milhões de euros para PROJETOS
  • 40 milhões de euros para BOLSAS
  • 16 milhões de euros para CUSTEIO
  • OBJETIVO DA INSTITUIÇÃO
  • Atuar na cooperação com os INM dos países associados para solucionar um problema de aumento da demanda metrológica x manutenção ou queda do orçamento
  • AÇÕES
  • Condensar os esforços;
  • Otimizar recursos dos países;
  • Racionalizar as pesquisas a serem feitas.
  • PROJETOS
  • MERA (Área de Pesquisa Metrológica da Europa)
  • Objetivo: Estudo para diagnosticar as demandas e o potencial dos países associados
  • iMERA - i (implementar)
  • ESCOPO
  • Elaboração de um Programa Europeu de Pesquisas Metrológicas - EMRP;
  • Captação de recursos;
  • Estabelecimento de uma estrutura européia de pesquisas metrológicas;
  • Transferência de tecnologia.
  • PROGRAMA EUROPEU DE PESQUISAS METROLÓGICAS - EMRP
  • Programa com foco na metrologia que facilita a integração dos programas nacionais de pesquisas.
  • OBJETIVO
  • Acelerar a inovação e a competitividade na Europa nas áreas de:
  • Saúde;
  • Meio Ambiente;
  • Energia;
  • Novas Tecnologias;
  • Pesquisas e Desenvolvimento da Metrologia Fundamental e Aplicada.
  • PROCESSO DE SELEÇÃO DE PROJETOS
  • Os projetos são avaliados independentemente e selecionados na base da excelência.
  • APLICAÇÕES NAS ÁREA DE:
  • Novas Tecnologias: Focados na nanotecnologia, voltados nas aplicações de segurança e na detecção de materiais perigosos;
  • Saúde: Focados no melhoramento da análise e medições terapêuticas para aplicações médicas em hospitais e laboratórios.
  • Meio Ambiente: Focados no desenvolvimento de técnicas de medição relacionadas ao monitoramento e detecção de mudanças climáticas;
  • Energia: Focados na obtenção de maior eficiência na produção e no consumo econômico.
  • PONTOS PARA REFLEXÃO
  • Viabilizar RECURSOS junto a EU da ordem milhões de euros/ano para que os INM realizem pesquisas metrológicas em conformidade com o EMRP – Programa Europeu de Pesquisas Metrológicas
  • CONCLUSÃO
  • O estabelecimento de estrutura formal e permanentepara a viabilizar, dentre outras, a obtenção de recursos financeirosa serem alocados, especialmente, em projetos de pesquisas metrológicas e na capacitação de pessoal, representa um enorme potencial para conseguir fundos para grandes desafios da metrologia na Europa.
  • RECOMENDAÇÕES
  • É fundamental que o Brasil (via INMETRO) assuma o desafio de viabilizar a implantação e implementação na estrutura do SIM está experiência bem sucedida na Europa para que o SIM passe a realizar as atividades de:
  • Coordenação de Programas de Pesquisas em Metrologia nas Américas;
  • Estabelecimento de transferência de tecnologia e de conhecimento entre os INM experientes e os que estão emergentes;
  • Estabelecimento de infra-estrutura necessária à realização de pesquisas metrológicas.
  • “O ser humano não pode deixar de cometer erros, é com os erros que os homens de bom senso aprendem a sabedoria para o futuro”PLUTARCO
  • OBRIGADO
  • Related Search
    We Need Your Support
    Thank you for visiting our website and your interest in our free products and services. We are nonprofit website to share and download documents. To the running of this website, we need your help to support us.

    Thanks to everyone for your continued support.

    No, Thanks